O fundo vai investir em hidrogênio verde, combustível de aviação sustentável, baterias de longa duração e captura de carbono no ar. Leia mais em Convergência pelo Brasil.

Cientistas australianos dizem que tecnologia para reduzir emissões de carbono já existe

Cientistas e engenheiros australianos afirmaram que as tecnologias necessárias para fazer cortes significativos nas emissões de gases com efeito de estufa já existem.

 

“As tecnologias que podemos utilizar para fazer realmente progressos significativos estão hoje aqui”, disse o presidente da Academia Australiana de Tecnologia e Engenharia, Hugh Bradlow. “Não temos de correr riscos e a sua economia está provada. Não é um caso de esperar que algum milagre aconteça.”

 

Renate Egan, da Universidade de New South Wales, membro do grupo de trabalho do Fórum Energético da academia, disse que as tecnologias existentes – incluindo energia solar e eólica, armazenamento de energia, veículos eléctricos e eficiência energética para edifícios – poderiam reduzir rapidamente as emissões nos setores da eletricidade, energia estacionária e transportes.

 

Egan ressaltou que, embora se possa conseguir grandes reduções de emissões utilizando a tecnologia existente, atingir o zero líquido exigirá investimento em novas tecnologias, tais como hidrogénio verde e processos mais sustentáveis para o fabrico de alumínio e aço.

 

As informações são do The Guardian.

GOSTOU? COMPARTILHE:

Compartilhar no email
E-mail
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no google
Google+
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp