nOTÍCIAS E ATUALIDADES

O PL 528 cria o Mercado Brasileiro de Redução de Emissões, que irá regular a compra e venda de créditos de carbono.

Congresso pode aprovar ainda neste ano lei que cria o Mercado Brasileiro de Redução de Emissões de Carbono

O Congresso Nacional pode aprovar ainda neste ano o projeto de Lei 528, o projeto de Lei do Mercado Brasileiro de Redução de Emissões de Carbono (MBRE), do deputado federal Marcelo Ramos, do PL (AM).   O PL 528 cria o Mercado Brasileiro de Redução de Emissões, que irá regular a compra e venda de créditos de carbono.   O Projeto em síntese, na sua versão original, dentre outras diretrizes:   (i) estabelece as definições e os objetivos do mercado;   (ii) delega à ABNT – Associação Brasileira de Normas Técnicas, instituição privada o poder de definir os padrões de certificação dos créditos;   (iii) cria o Sistema Nacional de Registro de Inventário de Emissões de Gases de Efeito Estufa para efetuar o registro dos projetos de redução de emissões e assegurar credibilidade e a segurança das transações e a contabilidade nacional dos créditos;   (iv) cria o Instituto Nacional

Desastres naturais mais frequentes podem reduzir a economia da União Europeia em 10% sem novas políticas para conter mudança climática.

Mudança climática pode aumentar escravidão e tráfico de pessoas

Os efeitos da mudança climática, como secas, inundações, tempestades e incêndios, podem aumentar o tráfico de pessoas e a escravidão no mundo.   Pesquisadores do Instituto Internacional para o Meio Ambiente e Desenvolvimento (IIED) e da Anti-Slavery International descobriram que a seca no norte de Gana levou jovens homens e mulheres a migrar para as grandes cidades. Muitas mulheres começam a trabalhar como carregadoras e correm o risco de tráfico, exploração sexual e servidão por dívidas – uma forma de escravidão moderna na qual os trabalhadores ficam presos no trabalho e são explorados por não conseguirem pagar uma dívida enorme.   Na fronteira entre a Índia e Bangladesh, ciclones causaram inundações, reduzindo as terras disponíveis para a agricultura. Com os países da região apertando as restrições à imigração, os pesquisadores descobriram que contrabandistas e traficantes estavam visando viúvas e homens desesperados para cruzar a fronteira com a Índia para encontrar

O fundo vai investir em hidrogênio verde, combustível de aviação sustentável, baterias de longa duração e captura de carbono no ar. Leia mais em Convergência pelo Brasil.

Bill Gates cria fundo bilionário para investir em energia limpa

O bilionário e filantropo Bill Gates,levantou US$ 1 bilhão com investidores e doadores para criar um fundo de desenvolvimento de fontes de energia limpa.   O fundo, chamado Breakthrough Energy Catalyst, vai investir em hidrogênio verde, combustível de aviação sustentável, baterias de longa duração e captura de carbono no ar.   A meta é que o fundo chegue a US$ 3 bilhões.   O objetivo do Breakthrough Energy Catalyst é tirar do papel projetos que demandam muito capital e sejam considerados muito arriscado – uma combinação que costuma afugentar investidores tradicionais.   Investiram no fundo empresas como Microsoft, American Airlines, BlackRock e ArcelorMittal. Além do aporte em dinheiro, algumas das empresas aderiram querem garantir demanda para determinados produtos que serão desenvolvidos com apoio do fundo.    “O modelo aqui é o que aconteceu com a energia eólica e solar e com as baterias de íon de lítio”, disse Gates à